Bem vindo ao site da SPEA - sociedade portuguesa para o estudo de aves

Opções do site

Subscrever Newsletter

Outras opções do site

Pesquisar no site

Data actual

Principais opções do site

Fevereiro 2017
D
S
T
Q
Q
S
S
 
 
 
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
20
21
22
23
24
25
26
27
28
 
 
 
 
A Nossa Missão
A SPEA é uma ONG de ambiente sem fins lucrativos, que tem por missão trabalhar para o estudo e a conservação das aves e seus habitats, promovendo um desenvolvimento que garanta a viabilidade do património natural para usufruto das gerações futuras.
Home  > O Projecto > Espécies
imprimir

Espécies

As espécies alvo | Espécies de vegetação que constituem a Floresta Laurissilva:

 Nome comum  Nome científico  Estatuto Taxonómico  Estatuto de Conservação (IUCN)
 Feto-do-cabelinho  Culcita macrocarpa  Espécie Nativa  Vulnerável
 -  Trichomanes speciosum  Espécie Nativa  Ameaçado
 Feto-do-botão  Woodwardia radicans  Espécie Nativa  Baixo Risco, dependente de conservação
 Espigos-de-cedro  Arceuthobium azoricum  Espécie Endémica dos Açores  Ameaçado
 Labaça-das-ilhas  Rumex azoricus  Espécie Endémica dos Açores  Ameaçado
 Urze  Erica azorica  Espécie Endémica dos Açores  Baixo Risco, dependente de conservação
 Ginjeira-do-mato  Prunus azorica  Espécie Endémica dos Açores  Criticamente Ameaçado
 Sanguinho  Frangula azorica  Espécie Endémica dos Açores  Ameaçado
 Pau-branco  Picconia azorica  Espécie Endémica dos Açores  Ameaçado
 Pé-de-pomba  Ammi trifoliatum  Espécie Endémica dos Açores  Ameaçado
 Cedro-do-mato  Juniperus brevifolia  Espécie Endémica dos Açores  Ameaçado

Notas:
Espécie nativa: espécie animal ou vegetal que é natural de determinado local, mas pode existir noutros locais.
Espécie endémica: espécie animal ou vegetal que é natural de determinado sítio e não existe em mais nenhuma parte do mundo.

A informação disponível no nome comum procede de SIARAM (http://siaram.azores.gov.pt) e no nome científico do Portal da Biodiversidade da UAç (http://www.azoresbioportal.angra.uac.pt). 
Visite estes sites para mais informação sobre a biodiversidade dos Açores.



As espécies alvo | Espécies de fauna prioritárias presentes na Floresta Laurissilva:

Serão indirectamente beneficiados pela recuperação da floresta natural várias espécies animais que ocorrem na área, destacando-se o Priolo - Pyrrhula murina - espécie prioritária do anexo I da Directiva Aves, única ave endémica dos Açores que apenas ocorre nesta área da ilha de S. Miguel (Açores) e cuja população se encontra actualmente entorno aos 500 - 800 casais. Tratou-se do passeriforme mais ameaçado da Europa, estando classificada pela BirdLife International como uma espécie "globalmente ameaçada de extinção". Esta espécies já foi alvo de protecção pelo projecto LIFE Priolo (2003-2008), como resultado de estes esforços o seu estatuto de conservação é actualmente mais favorável, encontrando-se apenas "Ameaçado".


O Pombo-torcaz - Columba palumbus azorica - subespécie prioritária do anexo I da Directiva Aves, será outra das subespécies indirectamente beneficiadas pela recuperação deste habitat, tal como serão as subespécies endémicas de passeriformes que ocorrem na zona, destacando-se, a Estrelinha (Regulus regulus azoricus) Touto (Sylvia atricapilla atlantis), Alvéola-cinzenta (Motacilla cinerea patriciae) e Melro-negro (Turdus merula azorica).

Estes trabalhos de recuperação serão igualmente importantes para as populações de Quirópteros existentes nesta área, nomeadamente Morcego-rato-grande (Myotis myotis) e o Morcego-dos-Açores (Nyctalus azoreum), este último o único mamífero endémico dos Açores encontrando-se classificado como Raro pelo Livro Vermelho dos Vertebrados de Portugal (2006).


voltar



Política de privacidade, adicione aos favoritos, sugira este site © 2010 spea - Todos os direitos reservados.
Seara.com